ESTE SITE ESTÁ À VENDA
Faça sua oferta aqui
 

Conheça os principais editores de programação para Mac

Programador recém-chegado ao mundo Mac compartilha suas impressões sobre alguns dos editores à disposição para a plataforma.

 

Por ELTON MINETTO

Nesses meses como novo usário de Mac OS X, testei alguns editores para trabalhar com programação, principalmente com PHP, Python, HTML e CSS. Encontrei alguns interessantes. Deixo aqui minhas opiniões sobre o assunto.

Eclipse

O primeiro que testei foi o Eclipse, pois é o que utilizo no meu trabalho diário na universidade. Lá, seja em ambiente Linux ou no OS X, funcionou da mesma maneira. Só algumas telas e teclas de atalho mudam. O Eclipse é uma ferramenta muito poderosa. Instalando os plugins corretos — PDT para PHP e PyDev para Python —, é possível ter todas as características que esperamos desse tipo de ambiente. O que mais gosto é o suporte nativo a CVS (extremamente útil para projetos maiores, não consigo mais programar sem este recurso), o auto-complete dos comandos PHP e HTML — que funciona certinho, aquilo que o Eclipse chama de Outline onde ele mostra os métodos e funções do arquivo aberto — e a árvore de arquivos/diretórios, que facilita o acesso rápido aos códigos. O que não gosto no Eclipse é a quantidade de memória que utiliza.

Smultron

escrevi anteriormente sobre o Smultron. É um editor bom, open source e leve. Mas sinto falta nele do equivalente ao Outline e à árvore de diretórios do Eclipse. Além disso, a interface do programa não é tão bonita quanto o resto do sistema operacional.

TextWrangler

O TextWrangler é um editor feito pela mesma empresa que desenvolve outro editor famoso (e pago) para o Mac, o BBEdit. É uma versão com menos recursos do que a versão comercial, mas mesmo assim é muito bom. Leve, suporta várias linguagens de programação, tem interface polida, acesso a ler/gravar arquivos direto em servidores FTP/SFTP, possui algo equivalente ao Outline do Eclipse e é altamente configurável. Uma boa opção. Só senti falta da árvore de diretórios para acesso rápido aos arquivos.

Komodo Edit

É a versão para Mac do editor do qual também já escrevi anteriormente. É muito bom. Rápido, possui árvore de diretórios que se atualiza automaticamente caso um arquivo seja criado ou excluído. É expansível usando-se plugins quase da mesma maneira que o Firefox, apesar de ainda existirem poucos disponíveis. E o auto-complete é tão bom quanto o do Eclipse, se não for até melhor. Só faltou o Outline e suporte a CVS pra ser um bom substituto ao Eclipse. Mas isso só na versão paga, que por enquanto está fora do meu foco de avaliação

Vi/VIM

Lógico que não dava para esquecer do velho amigo. Outra vantagem do OS X ser derivado do Unix é poder usar o Vi. É um bom editor de programação, como é possível ver neste excelente artigo

Conclusões

Depois de testar estes programas, cheguei as seguintes conclusões:

  • Para projetos grandes, onde o CVS/Subversion é importante, o Eclipse ainda é a melhor opção;
  • Para projetos menores estou usando o Komodo Edit e estou satisfeito. Tenho usado bastante em projetos como o CakePHP e outros frameworks como o Django (ele tem suporte ao Django além do próprio Python);
  • Para editar arquivos PHP/Python de maneira rápida, sem precisar ver todo o projeto, uso o TextWrangler;
  • Para arquivos de configuração, como o httpd.conf e outros, o bom e velho Vim é a solução;
  • É possível programar confortavelmente sem precisar comprar um TextMate ou o BBEdit (apesar do TextMate ser muito bonito).

Se alguém usa outro editor ou discorda de alguma das conclusões, comente abaixo.

Elton Minetto, 29, é professor em Chapecó/SC.

No momento da finalização deste artigo nosso iTunes tocava:
Led Zeppelin, In the Evenin
Esta entrada foi publicada em Notícias e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

5 respostas a Conheça os principais editores de programação para Mac

  1. L.Moraes disse:

    Faltou citar o Textmate e o Aptana estúdio com pluign para Ruby (on Rails), PHP e Adobe Air. O Textmate e o Aptana são as principais ferramentas para se programar em Ruby e no Framework Rails que são nativos no Leopard, então não podemos esquece-los.

  2. Danilo disse:

    Faltou falar também do próprio xcode e do netbeans

  3. f41qu3 disse:

    Eu voto no Smultron ainda … acho muito prático e fácil. Também o Xcode 3.0 junto com o Dashcode são ótimos.

    Abraços.

  4. Jackson Jorge disse:

    Cara, muito bom seu post, claro e objetivo! Aproveitando sua experiencia com os aditores, gostaria de um auxilio seu, pois estou migrando de PC para Mac, no PC uso com muito gosto e habilidade o phpdesigner7 para programar sites em PHP, só que não tem esse editor para Mac, daí gostaria de saber o que me recomenda que seja mais parecido possível com o PhpDesigner7.

    Os recursos dele que mais me importa são respectivamente:
    1. Autocomplete e indicação das funções dos arquivos abertos
    2. Autocomplete das funcoes nativas do PHP
    3. Fechamento automatico das tags
    4. Alinhamento do código (Espero que tenha entendido, não sei como chama isso)
    5. Configuração de teclas de atalhos para incluir bloco de códigos

    Ele tem outras facilidades que estou acostumado como por exemplo, se estou no final da linha e aperto a tecla “home” ele vai para onde o código inicia na linha e somente se aperto novamente que ele vai para o inicio real da linha.

    Mas esses detalhes são de menos, o mais importante pra mim seria as opções listadas.

Os comentários estão encerrados.