ESTE SITE ESTÁ À VENDA
Faça sua oferta aqui
 
« iTunes ganha interface 'limpa' e rede social »     ...     « Lançamento de Ping estremece relação entre Apple e Facebook »     ...     « Em tráfego de dados, Android e Linux perdem para aparelhos com iOS »     ...     « Teste de velocidade no iPhone 3G: iOS 4.0 contra iOS 4.1 »     ...     « TIM faz 'degustação' do iPhone 4 a partir de amanhã »     ...     « Rede social da Apple precisa de ajustes »     ...     « Aplicativo para iPad mostra a localização dos centros da Nasa »     ...     « Primeiras impressões: testamos os novos iPods »     ...     « Os 10 melhores programas para Mac »     ...     « Novos iPods Shuffle e Nano chegam ao Brasil em 2 semanas »     ...     « Anatel homologa iPad 3G para venda no Brasil »     ...     « Livraria Saraiva lança plataforma de livros digitais para iPad »     ...     « Loja on-line da Apple supera a marca de 250 mil aplicativos »     ...     « App Store bate novo recorde e mantém liderança isolada no mercado »     ...     « App Store atinge a marca de 6.5 bilhões de downloads »     ...     « Steve Jobs apresenta mudanças no iPod »     ...     « Steve Jobs apresenta versão menor e mais barata da Apple TV »     ...     « Apple cria locadora virtual de filmes e renova linha de iPods nos EUA »     ...     « Apple atualiza linha de iPods, mas deixa Classic de fora »     ...     « Novo iPod Shuffle: os botões estão de volta! »     ...     « Apple apresenta iOS 4.1 com correções para bugs do iPhone 4 e 3G »     ...     « Windows Live Sync (ou será Live Mesh?) chega à plataforma Mac »     ...     « Orquestra de iPads apresenta aplicativo musical »     ...     « Apple planeja utilizar tecnologia em que metais se comportam semelhante ao plástico »     ...     « Capa para iPhone funciona como abridor de garrafa »

 

 

Lançamentos anunciados nesta terça-feira podem servir de catalisador para as ações da Apple, as quais, junto com as demais do setor de tecnologia, foram derrubadas nas últimas semanas pela atual crise de crédito, diz analista.

 

“A Apple lançou novas adições a sua linha de computadores portáteis nesta terça-feira [14], incluindo um modelo que mira o mercado dos laptops abaixo dos US$ 1000 que pode tornar-se popular dentre os consumidores em uma economia desaquecida”, dizem Dan Gallagher e John Letzing em artigo publicado no MarketWatch.

Em evento na sede da empresa em Cupertino, Califórnia, a Apple anunciou corte no preço do modelo mais barato de MacBook, que passou de US$ 1099 para US$ 999, e lançou dois novos modelos que serão vendidos a US$ 1299 e US$ 1599, enquanto os modelos Pro serão oferecidos a US$ 1999 e US$ 2499, comentam Gallagher e Letzing.

“Os novos modelos apresentam projeto ‘monobloco’, construídos sobre um único bloco de alumínio que a empresa afirma serem mais finos e duráveis”, observam eles.

Ainda segundo Gallagher e Letzing, o analista Gene Munster, que cobre a Apple para a firma de pesquisa Piper Jaffray, disse que os lançamentos podem servir de catalisador para as ações da Apple, as quais, junto com as demais do setor de tecnologia, foram derrubadas nas últimas semanas pela atual crise de crédito.

Mais detalhes no artigo completo de Gallagher e Letzing.

Tags:, ,
 

Fuja do lugar comum: venha para o AppleMania!

 

Um comentário para “MarketWatch: MacBook mais barato pode provar-se popular em economia desaquecida”
  1. F3L1P40 disse:

    Mais acessível $$$, hardware e performance mais poderosos, processo de montagem mais moderno, melhorias no design e facilidade de uso, cada lançamentos cada vez mais em linha com a política verde (Greenpeace), pressão de Jobs 11 x 7, enfim… tudo corroborando para o aumento no market share da Apple no mercado de notebooks. Nem mesmo o lançamento e a ampla divulgação pela concorrência de um novo modelo de netbook super inovador e desejado impactará nesta tendência.
    Novamente, a Samsung lança seus produtos no mesmo dia e horas antes do evento da Apple. Novamente uma supresa, uma queda de US$100 no preço do Macbook Air(US$ 999) contra US$ 1.149 do Q310 da Samsung.
    Alguém ainda tem alguma dúvida em relação à Samsung no encalço da Apple? Que os coreanos estão varrendo o espaço dos fabricantes tradicionais no mercado de eletro-eletrônicos? Que a supresa ou a inovação é a única arma para detê-los, já que são os coreanos que fornecem os componentes-chaves deste mercado, como painéis LCD, Memórias, HDs, etc?

    http://dihitt.com.br/F3L1P40/noticia/laptops-samsung-devem-acirrar-competicao-no-mercado-dos-eua

  2.  

 

Copyright © 2007-2010 AppleMania.info. Todos os direitos reservados.
A correta visualização deste site requer navegador compatível com os mais elevados padrões da Internet e está assegurada com os navegadores
Apple Safari, Google Chrome, Mozilla Firefox, Mozilla SeaMonkey, KDE Konqueror e Opera em resolução mínima de 1024 x 768.