ESTE SITE ESTÁ À VENDA
Faça sua oferta aqui
 
« iTunes ganha interface 'limpa' e rede social »     ...     « Lançamento de Ping estremece relação entre Apple e Facebook »     ...     « Em tráfego de dados, Android e Linux perdem para aparelhos com iOS »     ...     « Teste de velocidade no iPhone 3G: iOS 4.0 contra iOS 4.1 »     ...     « TIM faz 'degustação' do iPhone 4 a partir de amanhã »     ...     « Rede social da Apple precisa de ajustes »     ...     « Aplicativo para iPad mostra a localização dos centros da Nasa »     ...     « Primeiras impressões: testamos os novos iPods »     ...     « Os 10 melhores programas para Mac »     ...     « Novos iPods Shuffle e Nano chegam ao Brasil em 2 semanas »     ...     « Anatel homologa iPad 3G para venda no Brasil »     ...     « Livraria Saraiva lança plataforma de livros digitais para iPad »     ...     « Loja on-line da Apple supera a marca de 250 mil aplicativos »     ...     « App Store bate novo recorde e mantém liderança isolada no mercado »     ...     « App Store atinge a marca de 6.5 bilhões de downloads »     ...     « Steve Jobs apresenta mudanças no iPod »     ...     « Steve Jobs apresenta versão menor e mais barata da Apple TV »     ...     « Apple cria locadora virtual de filmes e renova linha de iPods nos EUA »     ...     « Apple atualiza linha de iPods, mas deixa Classic de fora »     ...     « Novo iPod Shuffle: os botões estão de volta! »     ...     « Apple apresenta iOS 4.1 com correções para bugs do iPhone 4 e 3G »     ...     « Windows Live Sync (ou será Live Mesh?) chega à plataforma Mac »     ...     « Orquestra de iPads apresenta aplicativo musical »     ...     « Apple planeja utilizar tecnologia em que metais se comportam semelhante ao plástico »     ...     « Capa para iPhone funciona como abridor de garrafa »

 

 

“Aparentemente a Apple acredita que alguém mais está por trás da Psystar, o que pode ajudar a explicar porquê uma grande firma de advocacia foi contratada para atuar no que parecia ser um caso fácil. Explica também por que a Psystar tem sido tão atrevida continuando a vender seus produtos”.

 

“A Apple entrou com uma moção para acrescentar alegação de violação da lei de copyright, dentre outras alegações novas e aumentadas. Aqui está ela (PDF). Então, não só todos os contra-argumentos da Psystar foram derrubados, mas agora também ela enfrenta novas acusações. Mas eis a grande notícia: a Apple diz crer na existência de outras corporações e/ou indivídiuos por trás da Psystar, que podem ser acrescentados como réus se a Apple descobrir quem são”, diz Erwan em artigo publicado no Groklaw.

Segundo ele, o parágrafo do adendo da Apple que fez seus olhos ficarem esbugalhados diz:

18. (…) pessoas outras além da Psystar estão envolvidas nas atividades ilegais e impróprias descritas neste Adendo. Os nomes verdadeiros e as funções dessas pessoas, se indivídulos, corporações ou outros, não são conhecidos pela Apple. Consequentemente, serão mencionadas daqui por diante como Fulano 1 a 10 (coletivamente, “Réus Fulanos”). (…) os Réus Fulanos são vários indivíduos ou corporações que infringiram os direitos de propriedade intelectual da Apple, quebraram ou induziram à quebra dos acordos de licenciamento da Apple e violaram as leis estaduais e federais contra concorrência desleal. A Apple pedirá permissão para incluir neste Adendo os verdadeiros nomes dos Réus Fulanos e suas funções quando se tornarem conhecidos.

“Então, aparentemente a Apple acredita que alguém mais está por trás da Psystar, o que pode ajudar a explicar porquê uma grande firma de advocacia foi contratada para atuar no que parecia ser um caso fácil. Expica também por que a Psystar tem sido tão atrevida continuando a vender seus produtos. Eu sabia que essa coisa cheirava mal. Tal como diria Alice no País das Maravilhas, ‘está ficando cada vez mais interessante'”, opina Erwan.

Muito mais detalhes no artigo completo de Erwan.

Artigos relacionados:

 

Tags:, ,
 

Fuja do lugar comum: venha para o AppleMania!

 

6 comentários para “Apple crê haver outras corporações por trás da clonadora de Macs Psystar”
  1. Ipso Facto disse:

    Isso era do que todos desconfiavam desde que a Psystar surgiu do nada peitando a Apple desse jeito. Possivelmente, a Psystar foi concebida com essa exclusiva finalidade. Quem estará por trás dela? Qual montadora de PCs não se beneficiaria da possibilidade de vender PCs com Mac OS X sem necessidade de licenciá-lo da Apple? Hmmmmmmmm…

    A Psystar pode muito bem ser apenas o laranja da história, aquela que dará a cara a tapa, criando um desesperado teste legal patrocinado pelos sanguessugas que mamam nas tetas da Microsoft e que se borram de medo do fim da hegemonia do Windows, ameaçado pela escalada de crescimento do Mac no mercado de computadores pessoais.

    Se houver alguma justiça neste Universo, independente de ações judiciais e seus desmembramentos, o destino da Apple é sepultar a insípida hegemonia do Windows e, com ela, todo uma cultura de veneração à mediocridade. (Note que não estou falando em acabar com o Windows, e sim com sua hegemonia e com todos os nocivos efeitos colaterais inerentes a ela.)

    Nunca esqueça de que Steve Jobs sempre joga para ganhar. Meta final de Jobs: “recuperar o mercado de computadores perdido para a Microsoft” (23 de maio de 2005).

  2. Fábio disse:

    A verdade é que abertura para licenciamento do MAC OSX é uma mina de dinheiro. Não creio que a Psystar tenha sido criada com essa finalidade (abertura geral). O que deve ter acontecido é o inverso, ou seja, “alguém” viu na Psystar uma ótima ponta de lança.

  3. Knux disse:

    com as vendas do vista indo tão mal, as vezes a MS pensou que poderia ganhar mais dinheiro vendendo macs.

  4. Lucas (luke) disse:

    A M$ nem fabrica PCs. Ela devia torcer é pra Apple.

  5. MacUser disse:

    já que o editor não comenta o assunto comento eu:

    isso já está se tornando moda… agora os nossos vizinhos argentinos resolveram entrar na onda da cópia barata do que não lhes pertence. vejam isso: http://www.openimac.com.ar

    copiar o que é dos outros, para mim, é desonesto e significa incompetência e não me refiro só aos produtos da Apple… Parece coisa de chinês 🙁

  6. F3L1P40 disse:

    Achei o link da clonadora italiana: http://www.applepc.tk

    Não sei ainda quem poderia estar por trás das clonadoras, mas acredito que a motivação seja enfraquecer a Apple, e não faturar nos componentes vendidos aos clonadores, embora a investigação da origem destes seja uma pista. Realmente o primeiro suspeito da lista poderia ser a Microsoft, atacando e depreciando aquilo que não tem (hardware), mas ainda é muito cedo.

  7.  

 

Copyright © 2007-2010 AppleMania.info. Todos os direitos reservados.
A correta visualização deste site requer navegador compatível com os mais elevados padrões da Internet e está assegurada com os navegadores
Apple Safari, Google Chrome, Mozilla Firefox, Mozilla SeaMonkey, KDE Konqueror e Opera em resolução mínima de 1024 x 768.