ESTE SITE ESTÁ À VENDA
Faça sua oferta aqui
 
« iTunes ganha interface 'limpa' e rede social »     ...     « Lançamento de Ping estremece relação entre Apple e Facebook »     ...     « Em tráfego de dados, Android e Linux perdem para aparelhos com iOS »     ...     « Teste de velocidade no iPhone 3G: iOS 4.0 contra iOS 4.1 »     ...     « TIM faz 'degustação' do iPhone 4 a partir de amanhã »     ...     « Rede social da Apple precisa de ajustes »     ...     « Aplicativo para iPad mostra a localização dos centros da Nasa »     ...     « Primeiras impressões: testamos os novos iPods »     ...     « Os 10 melhores programas para Mac »     ...     « Novos iPods Shuffle e Nano chegam ao Brasil em 2 semanas »     ...     « Anatel homologa iPad 3G para venda no Brasil »     ...     « Livraria Saraiva lança plataforma de livros digitais para iPad »     ...     « Loja on-line da Apple supera a marca de 250 mil aplicativos »     ...     « App Store bate novo recorde e mantém liderança isolada no mercado »     ...     « App Store atinge a marca de 6.5 bilhões de downloads »     ...     « Steve Jobs apresenta mudanças no iPod »     ...     « Steve Jobs apresenta versão menor e mais barata da Apple TV »     ...     « Apple cria locadora virtual de filmes e renova linha de iPods nos EUA »     ...     « Apple atualiza linha de iPods, mas deixa Classic de fora »     ...     « Novo iPod Shuffle: os botões estão de volta! »     ...     « Apple apresenta iOS 4.1 com correções para bugs do iPhone 4 e 3G »     ...     « Windows Live Sync (ou será Live Mesh?) chega à plataforma Mac »     ...     « Orquestra de iPads apresenta aplicativo musical »     ...     « Apple planeja utilizar tecnologia em que metais se comportam semelhante ao plástico »     ...     « Capa para iPhone funciona como abridor de garrafa »

 

 

No entanto, o pedido de copyright da Apple para o Mac OS X foi efetuado em 24 de março de 2001, data do lançamento do Mac OS X 10.0 Cheetah, segundo registros do escritório americano de copyright.

 

“A fabricante de clones do Mac Psystar disse que o processo de violação de copyright contra ela deve ser arquivado porque a Apple nunca requereu proteção por copyright para seu sistema operacional Mac OS X no U.S. Copyright Office, de acordo com os autos do processo”, relata Paul McDougall em artigo publicado no site da revista InformationWeek.

McDougall acha que a espantosa alegação, se verdaderia, pode minar a capacidade da Apple de restringir terceiros como a Psystar de vender clones que rodem o Mac OS X em hardware PC genérico. Ele diz também que, até o momento do fechamento do artigo, a InformationWeek não havia sido capaz de confirmar a alegação.

“A Psystar fez a alegação em documentos apresentados semana passada na Corte Distrital de São Francisco como parte de sua resposta às acusações mais recentes de violação de copyright feitas pela Apple”, informa McDougall.

Ele lembra que, no mês passado, um juiz rejeitou o contra-ataque da Psystar e o arquivou. “A Psystar agora pede que o juiz despreze o caso e declare inválidas as preteções de copyright da Apple sobre o Mac OS. Nos autos, a Apple diz crer que a Psystar está sendo apoiada por uma terceira parte oculta que presumivelmente esteja procurando entrar no mercado do Mac”.

Mais detalhes no artigo completo de McDougall.

O U.S. Copyright Office registrou pedido da Apple de copyright para o Mac OS X em 24 de março de 2001, data do lançamento do Mac OS X 10.0 Cheetah, conforme revela esta página do site do órgão.

Artigos relacionados:

 

Tags:, , , ,
 

Fuja do lugar comum: venha para o AppleMania!

 

4 comentários para “Clonadora de Macs Psystar alega que Mac OS X não tem copyright”
  1. Knux disse:

    o nosso amigo advogado pode dar uma ajuda aqui…

    não tem uma convenção da qual a maioria dos países e signatária, na qual um dos acordos é que não é necessário haver registro do copyright para defendê-lo?

    abraços

  2. rc_pc disse:

    Creio que a Apple venha se safar desta, mas que está sofrendo um desgaste, tá.

  3. F3L1P40 disse:

    A empresa terá que ter muito estômago para suportar todas as alegações, objetivando unicamente atacar o calcanhar-de-aquiles da Apple. Não haverá acordo que resista, dinheiro que pague, está claro que é uma investida visando a popularização do OSX e conseqüente destruição de uma marca. “Já que não podemos superar, resta-nos sabotar”.

  4. Daniel Carlos disse:

    Bom, a Psystar está mudando o conceito daquele ditado que dizia “Se não pode vence-los, junte-se a eles”. Lógicamente, sistemas Microsoft não podem se igualar aos sistemas Apple. Então eles tentam copiara Apple usando o sistema dela, mesmo que tenha que pagar uma multa milionaria. Tá, no final das contas, a Psystar vai ter que pagar uma boa bagatela pra Apple. Mas a fama ue ela conseguiu com iso, pode fazer ela se levantar rapidinho depois da queda brusca que vai ter no final do processo. Digamos que vai se tornar uma pseudo Dell.

  5.  

 

Copyright © 2007-2010 AppleMania.info. Todos os direitos reservados.
A correta visualização deste site requer navegador compatível com os mais elevados padrões da Internet e está assegurada com os navegadores
Apple Safari, Google Chrome, Mozilla Firefox, Mozilla SeaMonkey, KDE Konqueror e Opera em resolução mínima de 1024 x 768.
Get Adobe Flash player