ESTE SITE ESTÁ À VENDA
Faça sua oferta aqui
 
« iTunes ganha interface 'limpa' e rede social »     ...     « Lançamento de Ping estremece relação entre Apple e Facebook »     ...     « Em tráfego de dados, Android e Linux perdem para aparelhos com iOS »     ...     « Teste de velocidade no iPhone 3G: iOS 4.0 contra iOS 4.1 »     ...     « TIM faz 'degustação' do iPhone 4 a partir de amanhã »     ...     « Rede social da Apple precisa de ajustes »     ...     « Aplicativo para iPad mostra a localização dos centros da Nasa »     ...     « Primeiras impressões: testamos os novos iPods »     ...     « Os 10 melhores programas para Mac »     ...     « Novos iPods Shuffle e Nano chegam ao Brasil em 2 semanas »     ...     « Anatel homologa iPad 3G para venda no Brasil »     ...     « Livraria Saraiva lança plataforma de livros digitais para iPad »     ...     « Loja on-line da Apple supera a marca de 250 mil aplicativos »     ...     « App Store bate novo recorde e mantém liderança isolada no mercado »     ...     « App Store atinge a marca de 6.5 bilhões de downloads »     ...     « Steve Jobs apresenta mudanças no iPod »     ...     « Steve Jobs apresenta versão menor e mais barata da Apple TV »     ...     « Apple cria locadora virtual de filmes e renova linha de iPods nos EUA »     ...     « Apple atualiza linha de iPods, mas deixa Classic de fora »     ...     « Novo iPod Shuffle: os botões estão de volta! »     ...     « Apple apresenta iOS 4.1 com correções para bugs do iPhone 4 e 3G »     ...     « Windows Live Sync (ou será Live Mesh?) chega à plataforma Mac »     ...     « Orquestra de iPads apresenta aplicativo musical »     ...     « Apple planeja utilizar tecnologia em que metais se comportam semelhante ao plástico »     ...     « Capa para iPhone funciona como abridor de garrafa »

 

 

Apple poderia ser beneficiada com maior penetração no ambiente Windows e Microsoft com recuperação de parte do atraso no desenvolvimento de sua plataforma móvel.

 

“Na economia atual, quem tem dinheiro é rei. Desde o fim de 2008 as grandes empresas de tecnologia têm guardado cada vez mais dinheiro debaixo do colchão para o caso de a atual recessão durar mais e for mais profunda que o esperado”, diz Jason Hiner em artigo publicado no blog do ZDNet.

Segundo ele, o resultado é que há empresas acumulando imensas quantidades de dinheiro no caixa: Apple (US$ 30 bilhões), Cisco (US$ 26,7 bilhões), Microsoft (US$ 19,7 bilhões) e Google (US$ 14,4 bilhões).

“Enquanto isso, com o mercado de ações perdendo metade de seu valor entre julho de 2007 e janeiro de 2009, muitas das empresas de tecnologia de capital aberto agora têm em seu valor de mercado uma etiqueta dizendo ‘desconto de 50%’. Isso cria uma atmosfera oportuna para fusões e aquisições”, observa Hiner.

De acordo com ele, as sete fusões e/ou aquisições mais prováveis de serem vistas em 2009 são, em ordem crescente de probabilidade:

  • Apple compra Adobe: “A maior aquisição que provavelmente veremos por parte da Apple em 2009 seria a da Adobe, que tem uma ampla gama de ferramentas para artistas gráficos, fotógrafos e web designers — alguns dos mais leais clientes do Macintosh. Com o iPhone e sua App Store, a Apple parece ter aprendido a lição de que é o software que faz a plataforma. E, uma vez que a Adobe já está construíndo ferramentas online, como o Photoshop Express, ela poderia ajudar a Apple a saltar para a próxima geração de aplicações. Claro que o grande ponto de interrogação aqui é: uma vez que a Adobe também produz software para a plataforma Windows — e certamente vende mais para usuários de Windows —, se a Apple comprasse a Adobe ela tornaria seu software exclusivo para Mac, tentando conduzir mais artistas e designers para sua plataforma, ou usaria a oportunidade para fazer crescer sua receita com software com os usuários de Windows?”
  • Oracle compra Salesforce.com
  • Google compra Skype
  • Microsoft compra Palm: “Apesar de a Microsoft estar no mercado de PDAs/smartphones há mais de uma década com seu Windows Mobile (antes Windows CE) e ter uma participação respeitável, o software da empresa está terrivelmente defasado em relação ao do iPhone, do BlackBerry e do Symbian e não há indicativo de que a Microsoft esteja fazendo grande progresso. (…) A Microsoft precisa dar um passo ousado no espaço móvel. A melhor opção para ganhar terreno rápido seria comprando a Palm. A popularizadora do PDA tem desenvolvimento móvel em sua estrutura genética, além de ter o ex-executivo da Apple John Rubinstein e o novo Palm webOS, a próxima geração da plataforma móvel que pode dar à Microsoft a oportunidade de dar um salto sobre Apple, RIM e Nokia”.
  • IBM compra Red Hat
  • Cisco compra VMWare
  • Dell se funde com EMC

Leia mais, incluindo explanações para todos os ítens acima, no artigo completo de Hiner.

Tags:, , ,
 

Fuja do lugar comum: venha para o AppleMania!

 

15 comentários para “Possíveis grandes aquisições de 2009: Apple compra Adobe e Microsoft compra Palm”
  1. Ipso Facto disse:

    A Apple tem mais dinheiro em caixa do que a Microsoft, portanto o que a impede de comprar a Palm se sentir que a Microsoft tem essa intenção ou que a Palm vale a pena por causa de sua propriedade intelectual ou outro motivo?

    Outra questão: se o futuro da Palm é tão brilhante e se ela está tão barata, por que ninguém já não a comprou?

  2. Romulo disse:

    Existem boatos de que a IBM quer comprar a Sun também… Alguém tem mais boatos? São tãããão úteis e precisos rssrsrr…

  3. Victor disse:

    Desde antes desse artigo eu estava torcendo para que a Apple comprasse a Palm só para sacanear a Microsoft. 😉

    Mas, se isso acontecesse, teria um quê de comédia: Bono Vox, líder da banda U2, é acionista da Elevation Partners, que injetou dinheiro na Palm para salvá-la da falência. O U2 era parceiro da Apple (quem não se lembra do iPod especial do U2?) e a trocou pela Palm dizendo que lá vão poder fazer o que não podiam na Apple. Já pensou se agora a Palm é comprada pela Apple e o U2 volta para o lugar de onde veio? Eu ia dar muita risada! 😀

  4. Lukeskymac disse:

    “a Apple parece ter aprendido a lição de que é o software que faz a plataforma.”

    WTF????

    Esse retardado aí acha por acaso que a Apple perdeu mercado porque não deixava ninguém fazer software pro Mac? Será que ele acha que o Mac tem pouco software porque é o que ela quer?!!?!?!? Ela deve ser a maior seguidora do ditado “Software sells Systems”!!! iPhone? iLife? OS X? Será que alguém se LEMBRA DELES?!?!?!?!

    Esse tipo de gente me deixa estressado.

  5. Fernando Valente disse:

    “uma vez que a Adobe também produz software para a plataforma Windows — e certamente vende mais para usuários de Windows —, se a Apple”

    Na verdade 98% dos usuários de Photoshop usam a versão pra Mac, dos 2% do Windows, a maioria é pirateado.

  6. Fernando Valente disse:

    Torço para que a Apple compre a Adobe. Sem Photoshop, Flash, Illustrator e Dreamweaver para Windows, muita gente vai migrar para o Mac.

    • Romulo disse:

      Primeiro, apesar de profissionais os programas da Adobe, que ela adquiriu da Macromedia andam muito piores que na época da Macromedia, estão lentos em comparação com os produtos que a Macromedia disponibilizava. Alias estão lentos como todos os produtos da Adobe.

      Da mesma forma estão absurdamente maiores e com praticamente os mesmos recursos de antigamente; o programa cresceu em dados aproximadamente 6 vezes! Não sei, mas a Adobe não sabe programar? São programas que poderiam ser 1000 vezes mais eficientes… Talvez a Apple de conta de solucionar este problema e tornar os produtos realmente eficientes…

      Mais uma solução fechada??? Pronto amei, vai surgir concorrência obviamente! E finalmente vai cair mais um monopólio tão podre quanto o da MS… Quem sabe isso não da uma guinada no software livre para essas bandas…

    • Fernando Valente disse:

      Depois que a Adobe adiquiriu, os programas ficaram com menos bugs, isso foi mesmo. Alternativas livres!? Tem que evoluir muito. Gosto de software livre mas coisas como o Gimp são uma piada. Tem que melhorar, ai sim vai ser digno de concorrencia.

    • Romulo disse:

      Bom Fernando usei os produtos da Macromedia dês de 2002 até seu fim e nunca me deparei com problemas como bugs ou falhas de execução, nada; apenas me deparei com programas muuuuuito eficientes que ocupavam no máximo 200 MB e faziam tarefas rapidamente em maquinas modestas, aproveitando melhor o desempenho para lidar com grandes imagens, sem dizer que mesmo assim eram e continuam sendo as melhores ferramentas do gênero… De lá para cá os produtos que pertenciam a Macromedia fazem basicamente o mesmo e estão absurdamente pesados e lerdos… Por alguma razão a Adobe não tem competência para fazer o que a Macromedia fazia com a antiga linha de produtos (programas leves, rápidos, limpos e lideres de mercado, tudo ao mesmo tempo)
      Fale por você, não disse que existem boa coisa no mercado gráfico profissional… Agora Como explicou a Sun há algum tempo, produtividade neste modelo econômico é no mínimo 3 vezes maior; e sem uma solução descente para o mundo PC que substitua os da Adobe… Se o mercado de programas licenciados não fizer algo… Acho que os colaboradores e a comunidade do software livre não vão ficar de braços cruzados vendo simplesmente o setor gráfico profissional do PC simplesmente sumir…
      Acho difícil a Apple fechar o mercado da Adobe para ela mas, tomara que ela consiga, vai depender do quanto ela vai irritar o mercado com isso… Monopólio ninguém merece…

    • Fernando Valente disse:

      Usei da Macromedia por um tempo no Windows, não notei tanta diferença assim de performace. No Mac os da Adobe funcionam muito bem, porém noto um lentidão do Photoshop quando vou abrir o programa ou importar imagens imensas.

    • Romulo disse:

      Quem lembra quanto o Dreamweaver Pesava lá por 2003, 2004, sentiu o golpe… Hoje o programa é talvez 5 vezes maior ou mais, e nem de perto é 5 vezes melhor… Sem contar que temos que passar por coisas como desaparecimento de ferramentas no CS3… E agora temos um CS4 de 340 MB! (o MX 2004 INSTALADO dava 127 MB! E tinha milhões de funcionalidades)…

      Não digo que ficou como o Windows, bugado, na verdade continuo não achando erros nem bugs. Agora, eu não tenho duvida que o programa poderia ser mais rápido, eficiente e assim tirar proveito de maquinas menos potentes e principalmente, ser mais rápido ainda em maquinas parrudas…

  7. Knux disse:

    A IBM ofereceu 7 bilhões pela Sun, mas a proposta não foi aceita. O novo boato é que a Oracle dará um lance. Veremos…

    Eu não acho que a Apple vai dar lance nenhum pela Palm, muito menos pela Adobe… quem costuma comprar empresas para fechar é a MS e fazer os programas da Adobe Mac only? Seria jogar todos os programs no lixo… algum outro programa vai aparecer e será o novo queridinho, não é assim que a Apple ganhará o jogo.

  8. Romulo disse:

    Graças a Deus rssrsrsr… Se a IBM adquirisse a Sun Microsystems… Bom, teríamos uma nova empresa monopolista dominando 65% do mercado de servidores com sistemas operacionais baseados em Unix… Sem falar que a IBM seria dona de mais patentes ainda, haja dó…

    Agora, que alguém tem de adquirir a Sun, isso é mais que certo… As coisas não vão bem para a empresa; demissões, fechamento negativo…

  9.  

 

Copyright © 2007-2010 AppleMania.info. Todos os direitos reservados.
A correta visualização deste site requer navegador compatível com os mais elevados padrões da Internet e está assegurada com os navegadores
Apple Safari, Google Chrome, Mozilla Firefox, Mozilla SeaMonkey, KDE Konqueror e Opera em resolução mínima de 1024 x 768.
Get Adobe Flash player