ESTE SITE ESTÁ À VENDA
Faça sua oferta aqui
 
« iTunes ganha interface 'limpa' e rede social »     ...     « Lançamento de Ping estremece relação entre Apple e Facebook »     ...     « Em tráfego de dados, Android e Linux perdem para aparelhos com iOS »     ...     « Teste de velocidade no iPhone 3G: iOS 4.0 contra iOS 4.1 »     ...     « TIM faz 'degustação' do iPhone 4 a partir de amanhã »     ...     « Rede social da Apple precisa de ajustes »     ...     « Aplicativo para iPad mostra a localização dos centros da Nasa »     ...     « Primeiras impressões: testamos os novos iPods »     ...     « Os 10 melhores programas para Mac »     ...     « Novos iPods Shuffle e Nano chegam ao Brasil em 2 semanas »     ...     « Anatel homologa iPad 3G para venda no Brasil »     ...     « Livraria Saraiva lança plataforma de livros digitais para iPad »     ...     « Loja on-line da Apple supera a marca de 250 mil aplicativos »     ...     « App Store bate novo recorde e mantém liderança isolada no mercado »     ...     « App Store atinge a marca de 6.5 bilhões de downloads »     ...     « Steve Jobs apresenta mudanças no iPod »     ...     « Steve Jobs apresenta versão menor e mais barata da Apple TV »     ...     « Apple cria locadora virtual de filmes e renova linha de iPods nos EUA »     ...     « Apple atualiza linha de iPods, mas deixa Classic de fora »     ...     « Novo iPod Shuffle: os botões estão de volta! »     ...     « Apple apresenta iOS 4.1 com correções para bugs do iPhone 4 e 3G »     ...     « Windows Live Sync (ou será Live Mesh?) chega à plataforma Mac »     ...     « Orquestra de iPads apresenta aplicativo musical »     ...     « Apple planeja utilizar tecnologia em que metais se comportam semelhante ao plástico »     ...     « Capa para iPhone funciona como abridor de garrafa »

 

 

A Nokia está pintando um quadro que não necessariamente condiz com a verdade, sugerindo que a Apple é uma montadora imbecil que pretende quebrar a lei de patentes. De tola, a Apple não tem nada.

 

“A Nokia abriu processo judicial contra a Apple por infringir patentes suas no iPhone, alegando que, ‘ao recusar-se a concordar com termos justos para o uso da propriedade intelectual da Nokia, a Apple tenta usufruir gratuitamente da inovação da Nokia’. O fato é que justamente o contrário é que é verdade”, diz Daniel Eran Dilger no Roughly Drafted.

“Como líder em vendas de celulares no mundo por ampla margem, a Nokia muito provavelmente tem um dos ‘mais fortes e amplos portfolios de patentes da indústria’, como diz a empresa. E, tendo licenciado sua tecnologia para quase todos os concorrentes, não é surpresa que a Apple tenha que pagar à Nokia para estar no mercado de celulares”, observa Dilger.

“No entanto, a Nokia está pintando um quadro que não necessariamente condiz com a verdade, sugerindo que a Apple é uma montadora imbecil que pretende quebrar a lei de patentes. Na realidade, a Apple mantém uma das mais experientes equipes jurídicas no campo da propriedade intelectual que sabe como a indústria funciona e até paga pela propriedade intelecutal ou prova que isso não é necessário. Afinal, a Apple é a empresa que, em 2005, venceu a Microsoft em derrotar as patentes multimídia do Burst.com. Após a empresa de Redmond ter pago US$ 60 milhões à Burst, a Apple chegou e invalidou a maioria das patentes da empresa e então pagou um sexto daquele valor, apesar dos ‘entendidos’ que torciam para que a Apple pagasse um valor muito superior ao pago pela Microsoft.”, comenta Dilger.

Leia muito mais no ALTAMENTE RECOMENDÁVEL artigo completo de Dilger.

“É um fato da vida que o litígio também pode ser usado como ferramenta comercial — um conjunto de luzes piscantes que atraem o concorrente e fazem-no notar você, ou um porrete com o qual você obriga uma empresa mais poderosa a negociar. Analistas dizem que este pode ser o caso da Nokia”, diz Ashby Jones no blog do The Wall Street Journal.

“‘Realmente acho que isso está mais para uma tentativa da Nokia de concorrer com a Apple, mesmo que seja por meio dos tribunais’, disse Shaw Wu, analista da Kaufman Brothers, acrescentando que a Nokia pode estar movendo essa ação agora porque o iPhone está começando a ganhar terreno na Europa e na Ásia. ‘Isso é nada para a Apple. É imaterial para ela, mesmo que venha a pagar uma vultosa quantia’, disse ele”.

“Pode até ser. Mas o New York Times diz que o potencial de retorno pode ser enorme para a Nokia. Geralmente, os royalties por portfolios de patentes essenciais em celulares respondem por 1% a 2% do preço de atacado. O preço de atacado para as operadoras do iPhone é estimado em cerca de US$ 600. Um percentual de 2% representaria US$ 12 por iPhone vendido. Somente no último trimestre, a Apple vendeu 7,4 milhões de iPhones e, no total, mais de 34 milhões de unidades”, observa Jones.

Leia mais no artigo completo de Jones.

Tags:,
 

Fuja do lugar comum: venha para o AppleMania!

 

4 comentários para “O que há por trás do litígio da Nokia contra a Apple”
  1. Ipso Facto disse:

    Não consegue concorrer? Então parta para o litígio. A Apple já viu isso um sem número de vezes, como quando a Creative criativamente ameaçou processar a Apple por causa do iPod, requerendo uma fatia do bolo das vendas. Como a Apple respondeu esfregando na cara da Creative seu monumental portfolio de patentes, contentou-se em ser uma alegre fabricante de acessórios para o iPod. E isso foi só para citar um exemplo entre muitos.

  2. knux disse:

    Vai me desculpar, mas é ingenuidade achar que, após muitas tentativas, a Nokia decidiu partir para o litígio para impor umas patentes bestas. Essas patentes foram licenciadas para empresas bem maiores que a Apple, como Sony, LG, Samsung etc.

    Não se esqueçam que a Nokia investe muito mais que a Apple em R&D, tanto proporcionalmente, como em valores absolutos e que por isso é responsável por grande parte do padrão GSM, Edge etc. Essa não é uma mera Creative, mas a empresa que definiu boa parte da telefonia celular como conhecemos.

    Para não falar que a Nokia é tem bem mais mercado que a Apple.

    Esse é justamente o caso em que as patentes devem funcionar.

  3.  

 

Copyright © 2007-2010 AppleMania.info. Todos os direitos reservados.
A correta visualização deste site requer navegador compatível com os mais elevados padrões da Internet e está assegurada com os navegadores
Apple Safari, Google Chrome, Mozilla Firefox, Mozilla SeaMonkey, KDE Konqueror e Opera em resolução mínima de 1024 x 768.
Get Adobe Flash player