ESTE SITE ESTÁ À VENDA
Faça sua oferta aqui
 
« iTunes ganha interface 'limpa' e rede social »     ...     « Lançamento de Ping estremece relação entre Apple e Facebook »     ...     « Em tráfego de dados, Android e Linux perdem para aparelhos com iOS »     ...     « Teste de velocidade no iPhone 3G: iOS 4.0 contra iOS 4.1 »     ...     « TIM faz 'degustação' do iPhone 4 a partir de amanhã »     ...     « Rede social da Apple precisa de ajustes »     ...     « Aplicativo para iPad mostra a localização dos centros da Nasa »     ...     « Primeiras impressões: testamos os novos iPods »     ...     « Os 10 melhores programas para Mac »     ...     « Novos iPods Shuffle e Nano chegam ao Brasil em 2 semanas »     ...     « Anatel homologa iPad 3G para venda no Brasil »     ...     « Livraria Saraiva lança plataforma de livros digitais para iPad »     ...     « Loja on-line da Apple supera a marca de 250 mil aplicativos »     ...     « App Store bate novo recorde e mantém liderança isolada no mercado »     ...     « App Store atinge a marca de 6.5 bilhões de downloads »     ...     « Steve Jobs apresenta mudanças no iPod »     ...     « Steve Jobs apresenta versão menor e mais barata da Apple TV »     ...     « Apple cria locadora virtual de filmes e renova linha de iPods nos EUA »     ...     « Apple atualiza linha de iPods, mas deixa Classic de fora »     ...     « Novo iPod Shuffle: os botões estão de volta! »     ...     « Apple apresenta iOS 4.1 com correções para bugs do iPhone 4 e 3G »     ...     « Windows Live Sync (ou será Live Mesh?) chega à plataforma Mac »     ...     « Orquestra de iPads apresenta aplicativo musical »     ...     « Apple planeja utilizar tecnologia em que metais se comportam semelhante ao plástico »     ...     « Capa para iPhone funciona como abridor de garrafa »

 

 

“O Android é um sistema operacional inconsistente, temperamental e com jeito de beta. Coisa de geek mesmo. Ele falha de numerosas formas”.

 

“Em meu último artigo no blog escrevi dicas para pessoas que queriam trocar o iPhone pelo HTC Desire. Escrevi tendo a satisfação de estar com esse novíssimo aparelho em mãos. Quem poderia me culpar? O HTC Desire é uma bela peça de hardware: processador rápido, boa câmera, bela tela, etc. Mas este artigo explica porquê, algumas semanas depois, descobri-me de volta usando meu iPhone enquanto o HTC Desire agora repousa em uma de minhas gavetas, provavelmente para jamais ver a luz do dia como meu aparelho principal novamente”, diz Shane no Shasam.net.

Segundo ele, o motivo de ter se sentido compelido a voltar ao iPhone após algum tempo de uso do Android é que o sistema operacional da Google ainda não chegou lá. “Perdoem-me, fãs do Android, mas é que as melhores intenções da comunidade do código aberto produziram um sistema operacional que não aprendeu nenhuma lição com as falhas do envelhecido Windows Mobile e, apesar de a interface Sense da HTC ser bem arrumada, ela cometeu uma série de erros novos”.

Ele enumera os problemas em duas categorias principais:

  • “O Android (ainda que escondido por trás da beleza que é a interface Sense da HTC) é um sistema operacional inconsistente, temperamental e com jeito de beta. Coisa de geek mesmo. Ele falha de numerosas formas”.
  • “Talvez ainda mais importante: tendo a concluir que o Android não é e não pode ser um ‘matador de iPhone’, nem sequer um concorrente. A plataforma Android é desarticulada, confusa e inconsistente, enquanto a Apple criou uma plataforma estável e consistente que, embora limitante em alguns pontos, fornece ao usuário um nível de conforto de que o Android não é capaz”.

“O Android simplesmente ainda não chegou lá e o HTC Desire (ou qualquer aparelho Android) não representa real concorrência para o ecossistema iPhone. Claro que tudo não se resume ao ecossistema (você tem que concorrer com o iTunes e etc.), mas é uma área na qual não vejo ninguém realmente focado e, até que alguém o faça, não vejo ninguém causando alguma preocupação à Apple”, pondera Shane.

Leia mais, incluindo detalhes sobre falhas e inconsistências do Android, no altamente recomendável artigo completo de Shane.

Tags:
 

Fuja do lugar comum: venha para o AppleMania!

 

32 comentários para “Por que troquei meu HTC Desire com Android pelo iPhone”
  1. anonymous disse:

    bullshit ma friend

  2. Gilberto disse:

    Pois é o ANDROID já passou o IPHONE em Numeros de Vendas nos EUA, coisa triste ser XIITA!!!!! Quem tem um droid nunca mais na vida que saber de um IPHONE, principalmente com o que está para vir Firmware 2.2 com Flash, mais um pouco adiante com os chips TEGRA da NVIDIA!!! IPhone está definitivamnte ladeira abaixo!!!!!

    • Johnny Bravo disse:

      Calminha ai, iludido de plantão.

      Se você está se referindo às recentes notícias de que o Android teria “ultrapassado” o iPhone nos EUA baseado em dados da consultoria NPD, saiba que você é mais um dos que caíram na cilada do jornalista mal informado (ou mal intencionado, conforme o caso).

      Não há nada errado com os dados da NPD em si. O problema está na interpretação que jornalistas e blogueiros idiotas estão dando a eles.

      Para chegar aos percentuais divulgados, a NPD mediu “vendas” unitárias, incluindo aparelhos de outras marcas que chegaram ao mercado na base de promoções do tipo “pague-um-leve-dois” (por que será?) feitas pela operadora Verizon. E esses dados da NPD não incluem vendas corporativas. A NPD chegou a esses números compilando e analisando dados baseados em pesquisas online feitas com cerca de 150 mil pessoas. Segundo a própria NPD, as pesquisas foram basedas em amostras balanceadas e demograficamente representativas da população americana e os resultados foram PROJETADOS para representar o todo dos consumidores.

      Quem tem um mínimo de conhecimento em estatística sabe que uma pesquisa online não vai separar as “populações” de forma confiável. Somente aqueles que acessaram o site é que responderam a pergunta. Sem falar na probabilidade de que um “anti-apple” tenha acessado várias vezes para votar contra, assim como “apple-fans” tenham acessado várias vezes para votar a favor.

      Se pesquisas online tivessem credibilidade, José Serra deveria ter ganho a ultima eleição, pois era o que uma enquete online do jornal Folha de S. Paulo dizia que aconteceria.

      Vale notar que ninguém sabe qual é a margem de erro da pesquisa da NPD. Os dados não parecem ser baseados em vendas reais, só em declarações voluntárias feitas por quem respondeu a pesquisa e, como eu disse, incluem aparelhos que pisaram na rua graças a promoções tipo “pague-um-leve-dois” da Verizon. E, novamente: os dados da NPD não incluem vendas corporativas. Quantos iPhones, BlackBerries e Androids foram vendidos para clientes corporativos e qual impacto isso teve nas vendas reais no mercado americano?

      Resumo da ópera: não, o Android NÃO chegou nem perto de ultrapassar o iPhone. Caso você esteja realmente interessado em fatos reais ao invés de achismos pessoais deve ler os seguintes artigos:

      http://macworldbrasil.uol.com.br/noticias/2010/05/12/vitoria-do-android-sobre-iphone-e-enganosa/

      http://www.eweek.com/c/a/Mobile-and-Wireless/Verizon-Customers-Suffer-from-iPhone-Jealousy-Says-Survey-784099/

      http://macdailynews.com/index.php/weblog/comments/25144/

      http://macdailynews.com/index.php/weblog/comments/23973/

      http://tech.fortune.cnn.com/2009/11/02/the-iphone-dons-a-suit-and-tie/

      http://www.itwire.com/business-it-news/technology/26611-optus-survey-finds-iphone-3g-getting-strong-traction-in-the-enterprise

      Agora eu desafio você a provar por A + B que isso está errado. Vai ser divertido ver você tentar. 😉

      Vamos lá, estamos esperando!

    • Zumbi dos Palmares disse:

      Quem tem um droid nunca mais na vida que saber de um IPHONE, principalmente com o que está para vir Firmware 2.2 com Flash

      É pra rir?

      Então o Android 2.2 será compatível com uma tecnologia que já entrou em processo de extinção para dar lugar ao HTML5? Que maravilha!!! Seria o mesmo que dizer que alguém vai lançar um novo aparelho de DVD quando deveria lançar um Blu-ray.

      Gilberto, você está mais perdido que cego em tiroteio. Vá ler notícias, vá! Comece por estas:

      Flash é o novo Windows Vista, diz ZDNet
      http://applemania.info/?p=5444

      Como a Apple está matando o Flash
      http://applemania.info/?p=5257

      Por que o Flash não funciona no iPad, iPhone e iPod touch
      http://applemania.info/?p=5231

      Por que o Flash não funciona no iPad, iPhone e iPod touch (parte II)
      http://applemania.info/?p=5234

      E, antes de vir com aquela respostinha de desmiolado dizendo que os artigos não valem porque são todos de um site pró-Apple, faça a si mesmo o favor de lê-los primeiro, pois os artigos foram todos tirados da mídia estrangeira independente.

  3. Jairo disse:

    Para Gilberto e todos os androidmaniacos:

    Dêem uma olhada nesta reportagem:

    iPhone está na lista das maiores invenções de todos os tempos
    http://epocanegocios.globo.com/Revista/Common/0,,EMI141086-16382,00-IPHONE+ESTA+NA+LISTA+DAS+MAIORES+INVENCOES+DE+TODOS+OS+TEMPOS.html

    Agora perguntem-se porquê não é o Android que está nessa lista.

    Perguntem-se também se existiria algum Android se o iPhone não tivesse nascido, ou porquê não havia Android antes do iPhone.

    Ou seja, como tudo que veio no rastro do iPhone, o Android também é um produto derivativo. Se ao menos fosse realmente bom eu nem diria nada, mas, como disse o Marcelo, contra fatos não há argumentos.

    Acorda, filho!

  4. konami disse:

    Sejamos sinceros. A apple é a empresa com mais fanboys do mundo. E a maneira como vocês reagem a qualquer critica que se faça ou a qualquer concorrência que haja mostra o quão ridículo vocês apple fanboys podem ser às vezes. Nao sejam tao do tipo burro com as tapas de lado, abrir mais a mente nao vos faz mal. Ja começa a ser uma coisa que é mais marca que outra coisa…for fuck’s sake! grow the fuck up!

    • Jairo disse:

      Realmente, “konami”, sejamos sinceros: seu comentário não contribuiu em rigorosamente nada para alcançar essa “abertura de mente”.

      Tudo que se vê nos comentários acima é a apresentação de provas contra a argumentação do Gilberto. Ele deu uma opinião e várias pessoas provaram, por A + B, que a opinião está errada. Isso é ser ridículo ou burro? Quer dizer que se todos tivessem falado a favor do Android e contra o iPhone ninguém teria sido ridículo ou burro?

      Ora, me poupe!

      Por que você não dá o exemplo e mostra, por A + B, onde é que estamos errados ao invés de vomitar críticas vazias que não contribuem em nada? A resposta é óbvia: porque contra os fatos apresentados não há argumentos, certo?

      Então “grow the fuck up” você também. 😉

    • Nairan disse:

      Caro Konami,

      Muitos criticam os fãnsboys da Apple, e não entendem o porque de tantos defenderem com unhas e dentes uma empresa, que na forma de ver do resto do mundo deveria representar mais uma representante do mundo captalista e nada mais.

      Acontece que, justamente nesse ponto reside a diferença entre Apple e as demais empresas, coisa que apenas quem compreende a questão envolvida pode compreender porque existem defensores da Apple, e olha que eu disse defensores e não fãnsboys.

      A grande questão é que a Apple, e ate o momento apenas a Apple, tem sido a única empresa, que se mantem no mundo capitalista, usa e luta com as próprias armas do mundo capitalista, se da bem nesse mundo, ate melhor que muitas empresas genuinamente capitalistas, mas não se pauta pelas regras do mercado capitalista.

      Ela rompe conceitos, arrisca onde o mercado diz que seria temeridade e ate mesmo burrice arriscar, e mesmo assim sai vitoriosa, ela motiva seus clientes, inova em tecnologia, cria e impõem conceitos, muda mercados, gera lucros, passou em sua história por tribulações enormes e sempre deu a volta por cima, e se mantem fiel a um conceito de mudanças de paradigmas, mesmo que essas mudanças firam seus fieis clientes, ao menos de inicio, pos ela sempre acaba mostrando que as mudanças propostas por ela melhoram a realação homem-maquina, que é fundamentalmente o espaço em que ela atua.

      Enquanto as demais empresas se mostram obtusas, pobres em ideias, fracas em motivação, mediocres em apresentar novos produtos, tacanhas na busca de excelencia, preferindo ficar presas aos conceitos arraigados e apodrecidos.

      No momento em que alguma outra empresa no mundo se paltar pelo ideal de Appple, pode ter certeza que fãns dessas empresas iram aparecer.

      Pena que o mundo empresarial é tão obtuso devido ao pensamento capitalista puro em que vivem.

  5. Francisco disse:

    AHAHAH!!!! só pode ser para rir, isso é que são as justificações?? desculpa mas nenhuma delas tem sentido, bem que podes trocar o teu htc desire pelo iphone mas pelo menos podes.me dar! “tendo a concluir que o Android não é e não pode ser um ‘matador de iPhone’, nem sequer um concorrente” LOOOOL não é concorrente.. pois, porque o iphone nem chega aos calcanhares do htd desire. só o processador e a camara mete o iphone no fundo do pau lol abraco

    • Victor disse:

      só o processador e a camara mete o iphone no fundo do pau

      Ai ai… Mais um que não entende nada de iPhone e vem falar do que não sabe…

      • Caio disse:

        Sem falar que ele disse que nenhum dos argumentos do autor do artigo “tem sentido”, mas não disse porquê. Ou seja, ele espera que todos concordemos com ele sem dar justificativa alguma para isso.

        Sem chance. O autor pelo menos explicou detalhadamente suas razões (leia o original em inglês), enquanto o Francisco só mostrou deboche. E quer ser levado a sério?

        O Android tem mesmo o usuário que merece…

    • Nairan disse:

      o tempo mostrou o porque da Apple não ter colocado copiar/colar no primeiro iPhone, assim como mostrou porque não tinha camera, e também não trazia multi tarefa.

      Agora eu pergunto, de que adianta ter (n) recursos, se todos estão mal implementados e consomem recursos do sistema e do hardware ??

      Ao menos, com a Apple sabemos com certeza que se algo não esta implementado é porque iria prejudicar de alguma forma o desempenho do aprelho, ou da interação homem/máquina.

      E sabemos também que ela se esforça em desenvolver solução para os problemas, como bateria por exemplo, de forma que permita implementar as opções que faltam de forma eficiente e amigavel ao usuário.

      Já as outras………..

    • Lukeskymac disse:

      “OLHA PRA MIM, OLHA PRA MIM, EU TENHO UM CELULAR COM 0.2GHZ A MAIS QUE O SEU! SEU LOOOOOOOOOOSER!!! XUUUPA!!!”

      É, depois somos nós os seguidores cegos e burros…

  6. Antonio Alvim disse:

    KKKKKKKK!! I-shit RS! Desire dá pau no Iphone sem medo de ser feliz. Aplicações livres, processador ágil, memória veloz, leveza, design, customização, possibilidades, LIBERDADE! HTC é infinitamente melhor. E esperem… o Android 2.2 vem com 5 vezes mais rápido, com o navegador mais rápido do planeta e FLASH!

    Chupa Apple! RS!

  7. Davidson disse:

    Olá. Com o objetivo de tocar fogo na discussão, até porque daí escolherei meu smartphone, pergunto a vcs como fica o problema da antena do Iphone 4. Realmente tem que se colar uma fita adesiva? Ou esparadrapo? Se for assim…

    http://www.eletronicoblog.pop.com.br/post/4526/nao-compre-o-iphone-4-diz-associacao-de-consumidores-dos-eua

    • Jairo disse:

      Davidson, suas perguntas estão respondidas aqui:

      http://applemania.info/?tag=iphone

      De qualquer forma, note que a manchete do blog citado por você é falsa e sensacionalista. O Consumer Reports NÃO disse que não é para comprar o iPhone, e sim que não pode recomendar a compra porque algumas pessoas tiveram problemas com ele. É diferente.

      Leia os artigos do link acima para esclarecer-se melhor.

      Um abraço!

  8. Heitor disse:

    O DESIRE não perde em nada pro Iphone 3gs ou 4. Hardware de sobra e ao contrário do que diz (sistema operacional inconsistente, temperamental e com jeito de beta) não encontrei nenhuma desses adjetivos no Android. Caso ache que o Android é inconsistente, temperamental e com jeito beta, vc poderia dar exemplos onde fica evidenciado esses problemas através de utilização própria como usuário e não apontar sites de comparações. Site de comparações existem vários tanto a favor do Iphone, qto do Android. Eu fui usuário do Iphone (que por sinal é um bom aparelho), mas preferi o Android devido a poder escolher o hardware que quiser (vários aparelhos rodando o SO), Bluetooth funciona sem ter que desbloquear o aparelho, possibilidade de troca de bateria, por ter a Google por de trás do SO, por ser o SO que mais cresce na atualidade e que possui melhorias em curto espaço de tempo (não tendo que esperar o lançamento de outro aparelho para que o SO apresente melhorias).

  9. Hugophi disse:

    O Heitor disse tudo, pergunto se a maioria dos que protegem o iphone já usaram o HTC Desire?
    Eu sai do Iphone 3GS (tive que desbloquealo e ficar na função para atualizar firmware) para HTC Desire e achei o aparelho e o sistema andriod 2.1 excelente.
    Varios aplicativos free com a apple vc gasta ou em que burlar o sistema.
    Acho que criticar só é valido quando se conhece o aparelho.
    Na internet qual quer um escrve o que quer e o ignorante é aquele que acredita sem saber o proque.
    Assim o comentário de que o andriod é sistema beta e simplismente ridiculo, o andriod te 2 anos e a forma que esta evoluindo assusta o Sr. Steve Jobs e a todos os fãnsboys da Apple.
    Assim peço de novo aqueles que falam mal do HTC Desire que se puderem comprem um, usem de depois postem seus comentários.
    Se não fizerem isto a opnião de vcs não vale nada.

    • Johnny Bravo disse:

      o andriod te 2 anos e a forma que esta evoluindo assusta o Sr. Steve Jobs e a todos os fãnsboys da Apple.

      Você tem alguma prova do que está dizendo?

      Claro que não tem.

      Mas eu tenho várias e várias em contrário, as quais quero apresentar-lhe.

      Comece lendo o comentário de Marcelo (18 de maio), acima (aproveite e leia os artigos de TODOS os links sugeridos por ele).

      Agora leia o de no. 3, de Jairo. Aproveite para perguntar-se por quê o Android não está na lista das maiores invenções de todos os tempos ao lado do iPhone. A resposta o Jairo já deu.

      Agora, o golpe de misericórdia: o mesmo Consumer Reports que esta semana disse não poder recomendar o iPhone 4 é quem o elegeu o melhor smartphone do mundo:

      http://applemania.info/?p=5620

      Note que o que vem em segundo lugar, além de outro modelo de iPhone, é um HTC Evo, e não um Desire. Ou seja, apesar do problema na antena, mesmo assim o iPhone 4 ganhou de qualquer HTC, donde se pode deduzir quão mais na dianteria estaria não fosse isso. Agora pergunte-se por que foi o iPhone 4 o eleito e não nenhum modelo HTC.

      Se você não ler nenhum desses artigos e não tentar responder as perguntas que lhe fiz, sua opinião não vale nada. 😉

      • Hugophi disse:

        Como coloquei acima, vc já usou o HT Desire?
        Eu tive um Iphone 3GS 16G por quase 1 ano e estou com o HTC a uns 40 dias.
        Então passei pela experiencia de utilizar o Iphone que é um belo aparelho.
        Qualquer um escreve o que quer e o Iphone ser considerado a maior invesão de todos os tempos foi a opinião isolada de um site.
        Para criticar é necessário ter conhecimento sobre o que esta criticando, eu conheço muito bem o iphone e agora também estou conhecendo o HTC Desire com andriod 2.1.
        A minha opnião é que o HTC Desire não deixa nada a desejar para o Iphone 3GS, já sobre o Iphone 4 não posso comentar pois não conheço o aparelho.
        Mantenho também meu cometário de que o andriod está metendo medo em muita gente e pela evolução deste OS em um futuro proximo teremos com certeza muitas alegrias.
        Abraços.

  10. Editor disse:

    O comentário do leitor “Moore” foi apagado por ter usado e-mail falso para publicá-lo (saa@baba.com.br).

  11.  

 

Copyright © 2007-2010 AppleMania.info. Todos os direitos reservados.
A correta visualização deste site requer navegador compatível com os mais elevados padrões da Internet e está assegurada com os navegadores
Apple Safari, Google Chrome, Mozilla Firefox, Mozilla SeaMonkey, KDE Konqueror e Opera em resolução mínima de 1024 x 768.