ESTE SITE ESTÁ À VENDA
Faça sua oferta aqui
 
« iTunes ganha interface 'limpa' e rede social »     ...     « Lançamento de Ping estremece relação entre Apple e Facebook »     ...     « Em tráfego de dados, Android e Linux perdem para aparelhos com iOS »     ...     « Teste de velocidade no iPhone 3G: iOS 4.0 contra iOS 4.1 »     ...     « TIM faz 'degustação' do iPhone 4 a partir de amanhã »     ...     « Rede social da Apple precisa de ajustes »     ...     « Aplicativo para iPad mostra a localização dos centros da Nasa »     ...     « Primeiras impressões: testamos os novos iPods »     ...     « Os 10 melhores programas para Mac »     ...     « Novos iPods Shuffle e Nano chegam ao Brasil em 2 semanas »     ...     « Anatel homologa iPad 3G para venda no Brasil »     ...     « Livraria Saraiva lança plataforma de livros digitais para iPad »     ...     « Loja on-line da Apple supera a marca de 250 mil aplicativos »     ...     « App Store bate novo recorde e mantém liderança isolada no mercado »     ...     « App Store atinge a marca de 6.5 bilhões de downloads »     ...     « Steve Jobs apresenta mudanças no iPod »     ...     « Steve Jobs apresenta versão menor e mais barata da Apple TV »     ...     « Apple cria locadora virtual de filmes e renova linha de iPods nos EUA »     ...     « Apple atualiza linha de iPods, mas deixa Classic de fora »     ...     « Novo iPod Shuffle: os botões estão de volta! »     ...     « Apple apresenta iOS 4.1 com correções para bugs do iPhone 4 e 3G »     ...     « Windows Live Sync (ou será Live Mesh?) chega à plataforma Mac »     ...     « Orquestra de iPads apresenta aplicativo musical »     ...     « Apple planeja utilizar tecnologia em que metais se comportam semelhante ao plástico »     ...     « Capa para iPhone funciona como abridor de garrafa »

 

 

Implementação tem a vantagem de funcionar com todas as aplicações, mas a forma como foi implementada demonstra falta de graça e de visão.

 

“Qual sistema operacional móvel — Android ou iOS 4 — torna a multitarefa mais fácil?”, pergunta Melissa J. Perenson no site da revista PC World.

“Não sou programadora — e muito provavelmente você também não é. Então deixemos de lado por um momento o aspecto técnico da questão de se a multitarefa do iOS 4 realmente é o que diz. Ao invés, consideremos a perspectiva do usuário. Quais as diferenças entre os dois métodos de acessar aplicações? E qual abordagem faz mais pelos usuários não técnicos que procuram as versões mais recentes desses smartphones?”, questiona ela.

“Ao que parece, a forma como a Apple implementou a multitarefa é fundamentalmente diferente de como a Google o fez — e essa diferença fala alto sobre a maturidade da polida interface da Apple, em oposição a ainda crua abordagem própria para devenvolvedores da Google”, observa Perenson.

“O Android precisa cuidar melhor de seu próprio gerenciamento de aplicações em um modelo integrado e coeso. Bem como a Apple fez”, opina ela.

“Em resumo: em sua implementação individual, a maneira como a Apple lida com a multitarefa é mais amigável e elegante. A multitarefa do Android tem a vantagem de funcionar com todas as aplicações, mas a forma como foi implementada demonstra falta de graça e de visão”, complementa.

Leia mais no artigo completo de Perenson.

Tags:,
 

Fuja do lugar comum: venha para o AppleMania!

 

7 comentários para “PC World: multitarefa do Android não é elegante como a do iOS 4”
  1. knux disse:

    Gostaria apenas que não fosse tudo parar em background. Não tem cabimento phone, messages, settings e clock ficaram em background e poluindo a barra de tarefas.

  2. Jorge Flávio disse:

    Knux,

    Ainda não tomei conhecimento da implementação interna do multitask do iPhone, mas acredito que eles utilizaram o paradigma produtor-consumidor. Ou seja, as aplicações “assinam” um serviço produtor, e consomem os recursos à medida que estão disponíveis. Se não houver nenhuma mensagem, áudio, tarefa, etc na fila para consumo, as aplicações não gastarão recursos da CPU.

    Essa é uma abordagem muito mais inteligente do que alocar recursos para interfaces gráficas e loops infinitos rodarem em background à espera de alguma mensagem ou recurso para o aplicativo processar. Em resumo, não tenho nada para consumir, fico em hibernação. Chegou comida, engulo (processo) e volto a dormir. Simples assim!

    E justamente por esse motivo os desenvolvedores precisam adaptar seus programas para “assinarem” os serviços que usarão. Quem viu o keynote, pôde perceber que o iOS4 exige autorização do usuário para que os Apps acessem o GPS do iPhone, e com uma interface padrão. Isso não seria possível se cada programador fizesse sua própria multitarefa. Por sinal, este esquema é muito semelhante ao do Mac OS, em que você não fecha a aplicação, e sim apenas a interface (GUI). Enfim, ponto pra eles, mais uma vez!!

  3. Knux disse:

    Cláudio,

    Muito feliz a sua explicação!

    Eu já estava a par desse paradigma produtor-consumidor usado para “emular” o multi-tarefa no iphone e também achei a implementação muito engenhosa.

    Aliás, todo esse negócio de java, .net e o caramba estava criando uma cultura que tirava das costas do desenvolvedor a responsabilidade de garantir a performance. Isso funcionou muito bem no PC, mas não funciona tão bem nos celulares (que o diga o android, que começa a se arrastar quando fica com vários apps em BG). Ainda bem que a Apple adotou um outro paradigma para obrigar os desenvolvedores a fazer um programa decente!

    Agora, devo notar que eu não estava reclamando com relação ao método para deixar em BG, embora a culpa pelo confusão seja minha por não ter explicado hehe. Falava da poluição do “gerenciador de apps” do iphone. Recebeu uma ligação? Tá lá o Phone na barra de tarefa quando você aperta duas vezes o botão home. SMS? Vai parar na barra de tarefa. Settings, contacts, clock (??!!), calendar(??!!)? Todos na barrinha.

    Chega uma hora que ela fica tão poluída que você desiste de usá-la e volta ao método antigo de selecionar o app lá na tela principal. Tudo bem que abre bem mais rápido, mas no quesito usabilidade não teve avanço nenhum, muito pelo contrário.

    Não acho que a Apple deva escolher quais programas teriam a honra de ir parar na barra de tarefas, mas pelo menos poderia garantir que coisas triviais (essas que listei) não parem lá, já ajudaria bastante a não poluir a tal barra 😉

  4. Knux disse:

    Eu não sei porque raios o chamei de Claudio, devo estar ficando louco… Desculpa Jorge hahahaha

  5. Jorge Flávio disse:

    Sem problema, Knux. O fato de encher a barra de tarefas é realmente um efeito colateral dessa implementação do iOS4. Talvez eles devessem colocar na configuração de cada programa uma opção para sempre “encerrar” completamente o aplicativo.

  6. Knux disse:

    Não sei… deixar a cargo do usuário a tarefa de gerenciar quais apps ficam abertos… não é muito a cara da apple… como o próprio steve jobs disse “se o usuário tiver que se preocupar com isso, foi feito errado”

    Acho que só de tirar messages, phone, utilities, clock, compass, ipod (já tem um “widget”, não precisa ficar na barra de tarefas), calendar, camera e photos já melhoraria muito.

    Até itunes e app store acho que não deveriam ficar na barra. Mesmo que seus estados fiquem salvos na memória, não há necessidade de ficarem na barra de tarefa. Contacts e notes eu até ignoro, tem edição de texto e no contexto de usabilidade que foi criado para o iOS4 faz sentido ficarem na barra.

    Outra coisa… deveria ser possível fechar o aplicativo com um movimento de “vassoura” para cima, similar ao movimento para o lado que já se convencionou como “delete” em outros apps.

    Bom… eu não acredito que a apple vá deixar as coisas do jeito que estão, afinal a usabilidade não está boa segundo as definições anteriores do próprio steve jobs. Está no caminho certo, a implementação “por trás dos panos” com pipes e notificações de mudanças para os apps é correta, mas a interface ainda não é ideal, na minha opinião.

  7. Knux disse:

    ahn… colocando outro comentário para receber notificação por e-mail em caso de atualização…

    estou gostando do debate 😉

  8.  

 

Copyright © 2007-2010 AppleMania.info. Todos os direitos reservados.
A correta visualização deste site requer navegador compatível com os mais elevados padrões da Internet e está assegurada com os navegadores
Apple Safari, Google Chrome, Mozilla Firefox, Mozilla SeaMonkey, KDE Konqueror e Opera em resolução mínima de 1024 x 768.
Get Adobe Flash player