ESTE SITE ESTÁ À VENDA
Faça sua oferta aqui
 
« iTunes ganha interface 'limpa' e rede social »     ...     « Lançamento de Ping estremece relação entre Apple e Facebook »     ...     « Em tráfego de dados, Android e Linux perdem para aparelhos com iOS »     ...     « Teste de velocidade no iPhone 3G: iOS 4.0 contra iOS 4.1 »     ...     « TIM faz 'degustação' do iPhone 4 a partir de amanhã »     ...     « Rede social da Apple precisa de ajustes »     ...     « Aplicativo para iPad mostra a localização dos centros da Nasa »     ...     « Primeiras impressões: testamos os novos iPods »     ...     « Os 10 melhores programas para Mac »     ...     « Novos iPods Shuffle e Nano chegam ao Brasil em 2 semanas »     ...     « Anatel homologa iPad 3G para venda no Brasil »     ...     « Livraria Saraiva lança plataforma de livros digitais para iPad »     ...     « Loja on-line da Apple supera a marca de 250 mil aplicativos »     ...     « App Store bate novo recorde e mantém liderança isolada no mercado »     ...     « App Store atinge a marca de 6.5 bilhões de downloads »     ...     « Steve Jobs apresenta mudanças no iPod »     ...     « Steve Jobs apresenta versão menor e mais barata da Apple TV »     ...     « Apple cria locadora virtual de filmes e renova linha de iPods nos EUA »     ...     « Apple atualiza linha de iPods, mas deixa Classic de fora »     ...     « Novo iPod Shuffle: os botões estão de volta! »     ...     « Apple apresenta iOS 4.1 com correções para bugs do iPhone 4 e 3G »     ...     « Windows Live Sync (ou será Live Mesh?) chega à plataforma Mac »     ...     « Orquestra de iPads apresenta aplicativo musical »     ...     « Apple planeja utilizar tecnologia em que metais se comportam semelhante ao plástico »     ...     « Capa para iPhone funciona como abridor de garrafa »

 

 

Investigação da empresa descobre que causa do problema é tanto simples quanto surpreendente.

 

A Apple publicou nesta sexta-feira (2) carta aberta em que explica ter descoberto a causa do problema na recepção de sinal do iPhone 4. A carta diz:

Caros usuários do iPhone 4,

O iPhone 4 tem sido o lançamento mais bem sucedido da história da Apple. Ele foi avaliado por diversos analistas ao redor do mundo como o melhor smartphone já lançado e usuários nos tem dito que o adoram. Portanto, ficamos surpresos em ler relatos sobre problemas na recepção de sinal e imediatamente começamos a pesquisar o problema. Eis o que descobrimos.

Para começar, a pegada em quase todo telefone celular, quando feita de determinadas formas, causa redução de uma ou mais barras na recepção de sinal. Isso é verdade no iPhone 4, no iPhone 3GS, em muitos Droids, Nokias e RIMs. Mas alguns usuários têm relatado que no iPhone 4 essa queda pode ser de 4 ou 5 barras quando segurado com força, cobrindo a parte inferior esquerda da tira preta na banda de metal. Isso seria uma queda muito maior que a normal e, como resultado, alguns têm acusado o iPhone 4 de ter um projeto de antena defeituoso.

Ao mesmo tempo, continuamos a ler artigos e receber centenas de e-mails de usuários dizendo que a recepção do iPhone 4 é melhor que a do iPhone 3GS. Eles estão maravilhados. Isso combina com nossa experiência e com nossos testes. O que pode explicar tudo isso?

Descobrimos a causa dessa dramática queda em barras, que é tanto simples quanto surpreendente.

Após investigar, ficamos assombrados em descobrir que a fórmula que usamos para calcular quantas barras indicativas de força de sinal devem ser mostrada está totalmente errada. Em muitos casos, nossa fórmula erroneamente mostra 2 barras a mais do que deveria para uma dada força de sinal. Por exemplo, ela algumas vezes mostra 4 barras quando deveria mostrar apenas 2. Usuários que notam uma queda de várias barras quando seguram seu iPhone de uma certa forma muito provavelmente estão numa área de sinal muito fraco, mas não sabiam disso porque 4 ou 5 barras estavam sendo erroneamente mostradas. A grande queda no número de barras é porque as mais altas não eram reais.

Para corrigir isso, estamos adotando a fórmula recentemente recomendada pela AT&T para o cálculo do número de barras a ser mostrada para uma dada força de sinal. A força real permanece a mesma, mas as barras mostradas no iPhone serão exibidas com precisão bem maior, dando ao usuário uma indicação muito mais precisa da recepção em determinada área. Estamos também tornando as barras 1, 2 e 3 um pouco mais altas, de modo que sejam mais fáceis de serem vistas.

Dentro de poucas semanas lançaremos uma correção de software gratuita que incorpora a fórmula correta. Uma vez que esse erro estava presente desde o iPhone original, esta atualização de software também estará disponível para os iPhones 3GS e 3G.

Voltamos a nossos laboratórios e retestamos tudo. Os resultados são os mesmos: o desempenho do iPhone 4 em redes sem fio é o melhor que já oferecemos. Para a vasta maioria dos usuários que ainda não enfrentaram esse problema, essa atualização de software apenas tornará mais precisa a exibição das barras. Para os que tiveram problemas, oferecemos nossas desculpas por quaisquer ansiedades que tenhamos causado.

Lembramos que, se você não estiver totalmente satisfeito, pode devolver seu iPhone não danificado em qualquer de nossas lojas de varejo ou em nossa loja online no prazo de 30 dias para ser integralmente reembolsado.

Esperamos que adore o iPhone 4 tanto quanto nós.

Obrigado por sua paciência e apoio.

Apple

Fonte: Apple Inc.

Tags:
 

Fuja do lugar comum: venha para o AppleMania!

 

10 comentários para “Apple se pronuncia sobre iPhone 4: problema é de software, correção a caminho”
  1. Ipso Facto disse:

    Finalmente!!!

    Erros acontecem e esperamos que essa carta aberta e a correção de software acabem com o incêndio. Isso explica também porque pegar o iPhone 3GS de certas formas fazia as barras caírem, mas, tanto nele quanto no iPhone 4, não causava a queda de ligações. Que o problema tenha estado presente desde o iPhone original também explica muitas coisas, só não explica por que a Apple levou tanto tempo para percebê-lo, já que, desde o lançamento do iPhone original, sempre houve queixas sobre recepção/força do sinal.

    De qualquer forma, a boa notícia é que o problema finalmente parece ter sido descoberto e a correção está a caminho.

    Se pararmos para pensar, não fazia sentido supor que o problema era de hardware. Mesmo quando as barras desapareciam totalmente, não havia perda de recepção, até porque ela acontece em múltiplos pontos ao longo da tira preta onde se situa a antena do iPhone 4. Não há lógica em pensar que, porque uma parte está coberta pela mão do usuário, todo o resto da antena pare de funcionar. Não era mesmo problema de hardware. Nem a Apple, nem outros fabricantes de celulares nos quais o problema da queda de barras se manifesta conforme segurados desta ou daquela forma, são tão incompetentes assim.

    Aliás, muitos celulares registram queda de barras quando segurados de um modo específico. Isso é provado por muitos, muitos, muitos vídeos divulgados por usuários e pelo que consta até nas próprias instruções dos manuais desses aparelhos. O detalhe é que essa atenuação geralmente não é percebida. Mas não ser percebida não significa que não ocorra. O problema existia até antes do surgimento do iPhone. A questão é que, por tratar-se de um produto Apple, cria-se toda essa insana comoção. Quando a coisa ficava restrita a modelos de outras marcas, ninguém dizia nada. Me pergunto o porquê disso…

    A Apple ajustará a função de exibição de barras de força de sinal seguindo a orientação da AT&T e a atenuação voltará a não será percebida pelo usuário (embora continue existindo). Então se começará a reclamar da AT&T e tudo voltará ao normal no mundo.

    A explicação da Apple me parece lúcida e coerente. Acredito que porá um ponto final na questão e calará a boca de quem gosta de fazer nhenhenhém por nada. No que me diz respeito, lamento muito ter duvidado da competência técnica da Apple. De tudo que tem sido noticiado (falso e-mail de Jobs, suposta indiferença da Apple, usuários supostamente sendo orientados pela Apple a comprar uma tira de borracha de 29 dólares, etc.), acho imperativo levantar a voz em defesa do usuário do iPhone 4. No futuro, vou apontar toda minha artilharia contra os espalhadores de FUD mostrando este episódio como explicação do porquê não somos “fanboys” quando formos incessantemente acusados de sermos “lacaios de Jobs” e coisas piores.

    Atenção para os debochados, birrentos e ignorantes de plantão alegando que a Apple está mentindo a começar em 3… 2… 1…

    • Ipso Facto disse:

      Fui interpelado em particular por algumas pessoas que teimosamente insistem em dizer que smartphones concorrentes não sofrem do problema de queda de recepção, não importa como são segurados, e que só o iPhone é que tem “defeito”. Bem, para esses, eu gostaria de apresentar três amostras de que o problema afeta, sim, outros aparelhos. Se não acreditam em minhas palavras, talvez acreditem no que os próprios olhos vêem.

      Senhoras e senhores, com vocês, Nokia E71, HTC Droid Incredible e Google Nexus One apresentando o problema negado por uns poucos incrédulos mal informados, conforme mostrado por seus respectivos proprietários.

       

       

      • Eduardo disse:

        Eu já tenho um iPhone 4 (encomendei no primeiro dia do pré-vendas) e o problema do toque da morte é uma realidade, chego a perder 4 barras de sinal. Eu não estaria cantando vitória e dizendo que, “com certeza” o problema é SÓ de software. O update vai mascarar um pouco a falha: em vez de cair 4 barras cairá só 1 ou 2.

        Querer justificar a falha da Apple mostrando falhas iguais de outras fabricantes NÃO é um argumento válido. Tudo que eu sei é que isso não acontecia no iPhone 3GS e agora acontece no iPhone 4, o tempo todo. A explicação que li, de que ao encostar no “ponto  mágico” forma-se um contato entre 2 antenas diferentes pra mim faz todo o sentido. Mascarar com atualização de software é só uma tentativa de tapar o sol com a peneira.

        A “auto-crítica” que o editor do site faz ainda me parece muito precipitada, vamos esperar para ver.

        No mais, estou extremamente satisfeito com o meu iPhone novo.

        • Zumbi dos Palmares disse:

          Eduardo, você certamente não verificou a relação de artigos relacionados mais acima, verificou?

          Nela aparece um que eliminaria todas as suas dúvidas. Um engenheiro especializado em antenas disse que a Apple está correta:

          http://applemania.info/?p=5597

          Leia-o, será instrutivo para você.

          Um abraço!

          • Eduardo disse:

            Zumbi, realmente não tinha lido o artigo. Agora posso dizer que li e ainda não estou convencido… De novo: isso não acontecia no iPhone 3GS e agora acontece no iPhone 4, o tempo todo.

            Pelo que andei lendo à pouco, o próprio AppleCare já está admitindo que a atualização de software não vai resolver o problema (http://bit.ly/bcmocE). Como eu disse, vamos esperar para ver, há muita informação contraditória circulando.

  2. Wesley disse:

    Tomara que ela corrija logo, mas se o problema é de software, que mostra incorretamente a quantidade de barras na tela, porque a Apple sugeriu os usuários do iPhone 4 usarem um case (bumper) p/ diminuir o problema de recepção?

    E esse problema já não foi corrigido no lançamento do iPhone OS 2.1 em setembro de 2008, quando uma das novidades ali foi exatamente “Improved accuracy of the 3G signal strength display”?

    • Johnny Bravo disse:

      porque a Apple sugeriu os usuários do iPhone 4 usarem um case (bumper) p/ diminuir o problema de recepção?

      Duas possibilidades:

      1. A Apple ainda não fazia idéia de onde estava o problema e a tira de borracha realmente o amenizava. Seria uma solução paliativa enquanto investigavam o caso.

      2. A sugestão não veio da Apple e pode ser tão falsa quanto o suposto e-mail em que Jobs teria dito a um usuário que relaxasse porque era só um celular.

      Acho bem mais provável a segunda hipótese.

        • Lukeskymac disse:

          Aff céus parece que tem gente que não entende.

          1-OBVIO que tocar ambas as antenas vai diminuir o sinal. isso acontece em TODO celular
          2-90% das pessoas entrou em pânico por causa das barras que caíam demais e achavam que a velocidade caia com a mesma intensidade. estão erradas
          3-Na verdade o iPhone 4 tem a melhor recepção de todos os iPhones. Leia na AnandTech
          4-O problema é que a Apple usou um sistema de calculo de sinal que disfarça o quão ruim é a rede da AT&T, e então digamos que estamos numa área onde o sinal da AT&T é bem fraco, mas o iPhone mostra 5 barras. Ao tocar nas antenas, o sinal pode cair o suficiente para ser perdido completamente, por isso o pânico “AAAAAAHH MEU SINAL CAIU DE 5 PRA 0 BARRAS APPLE SUXXXXX”

          5-Algumas pessoas relataram que o iPhone 4 não pega em certas áreas que o iPhone 3GS pega (mal). Similarmente, outras relatam que seus 3GS tem o mesmo problema ao instalar o iOS 4. É altamente provável que o iOS 4 tenha dado uma mexidinha nas barras, e que quando o sinal cai tanto a ponto de não mostrar nenhuma barra, o software corta a entrada de dados da antena para economizar bateria (esse ultimo ponto uma suposição, claro)

          Poucas pessoas (considerando os 3milhões+ de vendas) estão sendo afetadas pelo problema, sugerindo que não há defeito de design, e que é tudo culpa da AT&T (previsível). Além do mais, são mais raros ainda os casos fora dos USA, onde não há AT&T e sua deplorável rede. Destas, um número menor ainda de pessoas relatam o caso nº 5, o que me leva a acreditar que isso foi só uma histeria induzida pela concorrência e click-whores como o Gizmodo, site esse que vc mencionou, e que para mim não tem mais crédito nenhum depois de terem tentado chantagear a Apple pelo protótipo do iPhone 4 e serem expulsos da WWDC.

  3. Claudio disse:

    Desde o início eu disse que havia algo estranho.

    Simplesmente as coisas não faziam sentido.
    Não fazia sentido a Apple errar tão feio no hardware.
    Não fazia sentido as tais supostas afirmações dela.

    Pra mim só uma coisa era certa: uma hora a verdade viria, para calar a boca de meia dúzia de detratores histéricos da Apple.

  4.  

 

Copyright © 2007-2010 AppleMania.info. Todos os direitos reservados.
A correta visualização deste site requer navegador compatível com os mais elevados padrões da Internet e está assegurada com os navegadores
Apple Safari, Google Chrome, Mozilla Firefox, Mozilla SeaMonkey, KDE Konqueror e Opera em resolução mínima de 1024 x 768.
Get Adobe Flash player