ESTE SITE ESTÁ À VENDA
Faça sua oferta aqui
 
« iTunes ganha interface 'limpa' e rede social »     ...     « Lançamento de Ping estremece relação entre Apple e Facebook »     ...     « Em tráfego de dados, Android e Linux perdem para aparelhos com iOS »     ...     « Teste de velocidade no iPhone 3G: iOS 4.0 contra iOS 4.1 »     ...     « TIM faz 'degustação' do iPhone 4 a partir de amanhã »     ...     « Rede social da Apple precisa de ajustes »     ...     « Aplicativo para iPad mostra a localização dos centros da Nasa »     ...     « Primeiras impressões: testamos os novos iPods »     ...     « Os 10 melhores programas para Mac »     ...     « Novos iPods Shuffle e Nano chegam ao Brasil em 2 semanas »     ...     « Anatel homologa iPad 3G para venda no Brasil »     ...     « Livraria Saraiva lança plataforma de livros digitais para iPad »     ...     « Loja on-line da Apple supera a marca de 250 mil aplicativos »     ...     « App Store bate novo recorde e mantém liderança isolada no mercado »     ...     « App Store atinge a marca de 6.5 bilhões de downloads »     ...     « Steve Jobs apresenta mudanças no iPod »     ...     « Steve Jobs apresenta versão menor e mais barata da Apple TV »     ...     « Apple cria locadora virtual de filmes e renova linha de iPods nos EUA »     ...     « Apple atualiza linha de iPods, mas deixa Classic de fora »     ...     « Novo iPod Shuffle: os botões estão de volta! »     ...     « Apple apresenta iOS 4.1 com correções para bugs do iPhone 4 e 3G »     ...     « Windows Live Sync (ou será Live Mesh?) chega à plataforma Mac »     ...     « Orquestra de iPads apresenta aplicativo musical »     ...     « Apple planeja utilizar tecnologia em que metais se comportam semelhante ao plástico »     ...     « Capa para iPhone funciona como abridor de garrafa »

 

 

Em recente entrevista para a revista Newsweek, Bill Gates, presidente da Microsoft, afirmou que os computadores Macintosh, da Apple Inc., são inseguros e que hackers exploram falhas no Mac todos os dias. A afirmação tem o óbvio propósito de provocar medo em quem pretende entrar na onda do abandono da plataforma Windows em favor da Macintosh, diz um analista.

 

Escrevendo para o Security Focus, Scott Granneman disse que, ao ler a entrevista de Gates, sua reação, como a de muitos que conhecem a realidade, foi de total espanto. “Ou Bill está muito drogado e desiludido, coisa em que não acredito, ou está só sendo ignorante, o que também não creio, ou ainda sabe exatamente o que está dizendo e tem um motivo velado. É nisso que aposto.”

“Granneman acha que Bill sabe que estava, na melhor das hipóteses, exagerando e, na pior, mentindo descaradamente. Então por quê fez isso? “Porque ele também sabe que os novos comerciais da Apple estão ajudando a vender Macs como pão quente e que segurança é a grande razão pela qual as pessoas estão abandonando o Windows e mudando para computadores Apple. Quem lê a Newsweek? Não são profissionais da informática, mas o Sr. e Sra. Usuário Doméstico, que tendem a acreditar no que lêem na mídia principal quando o assunto é computadores, especialmente quando é o legal e esperto filantropo Bill Gates que o diz. Ele é o Sr. Computador, afinal, então só pode estar certo!”

Granneman lembra um episódio envolvendo Steve Ballmer, diretor-presidente da Microsoft, que há alguns anos disse ao jornal Chicago Sun-Times que “o Linux é um câncer que ataca a si próprio no que diz respeito à propriedade intelectual de tudo em que toca. Do modo como a licença está escrita, se você usar um software de código aberto, todos os seus outros programas também têm que ser de código aberto”.

“Isso é uma óbvia besteira”, critica Granneman, “e também é óbvio que Ballmer sabia disso, mas mesmo assim a disse sabendo que muitos leitores do Chicago Sun-Times acreditariam no que ele disse porque é um homem de negócios rico e importante. A alegação de Bill Gates de que ‘os hackers quebram a segurança do Mac todos os dias’ é tão absurda e calculada quanto aquela.”

Em ambos os casos, diz Grannemam, medo é o tom da nota que ambos os maestros estão tentando reger. “Os ignorantes lerão a primeira entrevista e crerão que o Linux é perigoso e amaldiçoará suas empresas, enquanto a [entrevista de Gates] pode impedir que algumas pessoas migrem para o Mac OS porque ele está sendo hackeado dia após dia.”

Grannesman observa, contudo, que a Apple também lança mão do artifício de espalhar medo para vender computadores, mas o faz de maneira muito mais responsável e fiel à realidade. “É muito mais precisa tanto no que diz quanto no que implica, enquanto os líderes da Microsoft tendem a simplesmente apertar os botões do medo, sejam verídicos ou não, fatos e realidade que se danem”, critica.

Mais detalhes no artigo completo de Grannesman.

Tags:,
 

Fuja do lugar comum: venha para o AppleMania!

 

Comentários não são permitidos.

 

Copyright © 2007-2010 AppleMania.info. Todos os direitos reservados.
A correta visualização deste site requer navegador compatível com os mais elevados padrões da Internet e está assegurada com os navegadores
Apple Safari, Google Chrome, Mozilla Firefox, Mozilla SeaMonkey, KDE Konqueror e Opera em resolução mínima de 1024 x 768.